Chekup Cardiológico: qual sua necessidade? - PROLAB - Centro Diagnóstico Cardiológico

Notícias

Chekup Cardiológico: qual sua necessidade?

Por: admin 02/04/2018 10:17

Quando se fala em check-up a palavra chave é prevenção.  Contudo, o objetivo desta consulta especializada não é apenas prevenir, mas alguma doença pode ser detectada em sua forma inicial e previamente tratada, o que eleva as chances de cura. Uma avaliação clínica completa é desenvolvida durante o check-up, com solicitação de exames que complementam a anamnese, ou seja, uma conversa sobre histórico pessoal e familiar do paciente, além de hábitos de vida e queixa de sintomas.

Quanto à saúde do coração, há uma grande procura por check-up, não à toa, pois os dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) assustam. Só em 2015 morreram 17,7 milhões de pessoas no mundo vitimadas por doenças cardiovasculares. É muita gente! Os hábitos de vida diários são responsáveis por 80% dessas mortes. Essa falta de cuidado com a saúde mata aproximadamente 400 mil brasileiros por ano. O resultado do acúmulo de gorduras nas paredes dos vasos do organismo humano é o infarto agudo do miocárdio e o AVC, quando há obstrução total dos vasos. A Hipertensão Arterial também coopera para essas lesões das paredes dos vasos sanguíneos, além de comprometer a saúde dos órgãos vitais, como o próprio coração, os rins, o fígado e o cérebro. O colesterol alto, bem como a diabetes descontrolada, são fatores agravantes à saúde cardíaca.

Por meio do chekup é possível detectar tais doenças em tempo de tratar e adotar hábitos de vida saudáveis. Muitas doenças são silenciosas e a mera falta de sintomas não significa falta de necessidade de recorrer ao médico, principalmente antes de se iniciar uma atividade física mais intensa.

Engana-se quem pensa que morte decorrente de doenças cardiológicas acomete apenas idosos. Infelizmente, até atleta não escapa dessa condição. Os médicos indicam que as avaliações clínicas sejam realizadas a partir da adolescência, já que não se pode relacionar o ajuntamento de gordura nos vasos à idade cronológica do paciente. Havendo histórico familiar de cardiopatia, o primeiro checkup deve ser realizado por volta dos 20 anos. Já mulheres na menopausa e os homens com idade a partir de 45 anos devem realizar o checkup cardiológico anualmente.

Exames como o eletrocardiograma, o teste ergométrico e o ecocardiograma são exames simples e muito eficazes em determinar lesões obstrutivas, avaliarem arritmias e auferirem perfeito funcionamento do fluxo sanguíneo. O cardiologista definirá qual o melhor exame a partir do perfil clínico do paciente.

Durante o checkup é importante o paciente ser alertado quanto às orientações multiprofissionais sobre hábitos de vida saudáveis, que diminuem riscos de doenças cardíacas, como manter uma alimentação balanceada, manter o peso em índices considerados saudáveis, praticar atividade física regularmente, evitar o tabagismo e o alcoolismo, e manter uma qualidade de vida sem estresse. São medidas preventivas que funcionam. Seu coração agradece.

Voltar para Notícias